FUP entra com ação contra a venda da BR

Tendo em vista a aprovação divulgada no dia 23/07, pelo Conselho de Administração da Petrobrás, da venda de ações da BR Distribuidora, a assessoria jurídica da FUP, dos Sindicatos dos petroleiros e do Sintramico – Sindicato dos Trabalhadores no Comercio de Minérios e Derivados de Petróleo do Estado do Rio de Janeiro, entrou hoje (24) com uma Ação Popular com pedido de tutela de urgência contra a concretização da venda de ações e perda do controle majoritário da estatal relativo à BR DISTRIBUIDORA.

Com essa venda, a petroleira perde o controle acionário, passando a deter apenas 41,25% e entrega a distribuição de gasolina e diesel no Brasil para os Estados Unidos. A ação questiona a venda nos “princípios da legalidade, moralidade e eficiência, de matrizes constitucionais”. Alega também os prejuízos para o país, visto que esta privatização “afeta de modo contundente o patrimônio e a coisa pública praticamente irreversível ou de difícil reparação, com efeitos concretos extremamente deletérios à sociedade brasileira”.

Posts relacionados

“A venda da BR Distribuidora foi um escândalo, eu fico até triste”, afirma Dilma

Guilherme Weimann

Combustíveis: Petrobrás reduz valores, mas distribuidoras não repassam ao consumidor

Guilherme Weimann

Privatizada, BR pretende demitir 30% dos trabalhadores

Andreza de Oliveira

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Clique aceitar se você está de acordo ou pode cancelar, se desejar. Aceito Ler Mais

Política de Privacidade