ANP quer acelerar entrega

Por Norian Segatto

Segundo informa o broadcast da Agência Estado, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) deseja mudar a metodologia de avaliação de negócios para acelerar a venda de campos terrestres. Segundo o chefe da coordenadoria de Áreas Terrestres da ANP, José Fernando de Freitas. “Antes do fim do ano, a gente tem uma mudança”.
Freitas afirmou que, dos 61 campos já vendidos pela Petrobras, a ANP analisou totalmente apenas quatro. A estatal barganhou mais prazo para vender as 118 áreas restantes, cuja data limite será junho de 2020.

“No período de negociação entre o proprietário e o novo dono, o antigo dono tem pouco incentivo para continuar investindo. Já quem comprou não pode iniciar. A gente está muito sensível a essa dificuldade”, afirmou, sem revelar quais prejuízos podem ocorrer com uma mudança repentina de metodologia criada apenas para agradar aos interesses dos investidores.

Posts relacionados

ANP exige que Petrobrás conclua venda de 69 campos de petróleo até o final do ano

Guilherme Weimann

Exclusivo: Petrobrás coloca à venda ao menos 382 ativos durante a pandemia

Guilherme Weimann

Novos critérios servem apenas para barrar gasolina importada de má qualidade

Guilherme Weimann