Sindipetro-SP vence ação dos ‘minutinhos’ para o Terminal de Guararema

A ação beneficiará centenas de trabalhadores do administrativo, que receberão R$ 3,93 milhões no total; sindicato fará plantão no terminal na próxima quarta (7) para conferir a lista dos contemplados

minutinhos
Ainda falta ser julgado o Mandado de Segurança apresentado pela Transpetro no TRT2 (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

 

Por Guilherme Weimann

No mês de outubro, a Justiça do Trabalho aceitou o pedido do Sindicato Unificado dos Petroleiros do Estado de São Paulo (Sindipetro-SP) e reconheceu que o mandado de segurança ajuizado pela Transpetro não impedia a execução do processo dos ‘minutinhos’.

Além disso, determinou a execução da ação, que reivindica o pagamento integral da jornada de trabalho lançada no cartão de ponto dos trabalhadores do administrativo do Terminal de Guararema, da Transpetro – subsidiária integral da Petrobrás. Entre 2012 e 2020, a empresa não contabilizou o tempo de deslocamento dos funcionários na unidade e, por isso, houve um déficit na remuneração.

Até o momento, entretanto, a Transpetro não cumpriu a ordem judicial. “O próximo passo será a execução forçada, ou seja, a penhora de valores da empresa”, explica o advogado do Sindipetro-SP, Francisco Coutinho. Entretanto, ainda falta ser julgado o Mandado de Segurança apresentado pela Transpetro no Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.

A ação beneficiará centenas de trabalhadores que trabalharam até 2017 no administrativo da unidade, distribuindo um total líquido de R$ 3,93 milhões (valores de março de 2022).

Na próxima quarta-feira (7), o Sindipetro-SP fará plantão no terminal para tirar dúvidas e conferir os nomes dos trabalhadores que estão contemplados na ação. “Essa é uma vitória da organização dos trabalhadores e, mais do que isso, demonstra a importância do sindicato para garantir os direitos da categoria”, afirma o diretor do Sindipetro-SP, Felipe Grubba.

Posts relacionados

Conselheiro da Petros visita a Replan e dialoga com aposentados em Campinas

Guilherme Weimann

UTE TLG – EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIAS

Ademilson Costa

Petroleiros realizam ato no Dia dos Aposentados e cobram soluções para equacionamentos

Vitor Peruch