Sindicato faz paradinha na Replan

A direção do Sindicato realizou na manhã da quarta-feira (26) uma paradinha na porta da Replan, para dar continuidade às discussões sobre a pauta local e debater assuntos nacionais de interesse da categoria. A conversa foi realizada com parte do grupo de turno e integralmente com os trabalhadores do setor de Utilidades.
Uma das questões em destaque foi o assédio moral que trabalhadores dessa unidade vêm sofrendo por parte da gestão, por meio de advertências e repressões. O Sindicato está apurando todos os casos e discutindo quais ações serão tomadas.
Essa rodada de negociação do acordo coletivo continua ocorrendo até a próxima quarta (03/07). Os diretores atualizaram os trabalhadores sobre o que está sendo discutido e o posicionamento da Petrobrás em relação às questões propostas.
Os dirigentes falaram ainda sobre o PRVE. “Entendemos que o Programa de Remuneração Variável visa esvaziar a PLR, pois vincula a verba dos dois programas”, afirma o diretor do Sindicato Jorge Nascimento.

Posts relacionados

Covid-19: Testes para petroleiros sintomáticos é de responsabilidade da empresa

Sindipetro-SP

Assembleias discutem luta contra privatização da Petrobrás e contribuição assistencial

Guilherme Weimann

Trabalhadores da Replan protestam contra privatização da Rlam

Odara Monteiro