Petroleiros acompanham lançamento do novo PASA no Sírio-Libanês

Representantes da categoria participaram da apresentação do novo modelo de operação do Programa de Avaliação de Saúde do Aposentado (PASA), conquistado no ACT

Petroleiros participam de lançamento do novo modelo operacional do PASA (Foto: divulgação)

Na última quinta-feira (11), no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, representantes da categoria petroleira acompanharam o lançamento de uma importante iniciativa da Saúde Petrobrás, conquistada no Acordo Coletivo de Trabalho 2023-2025: o Programa de Avaliação de Saúde do Aposentado (PASA). O evento teve como objetivo apresentar o funcionamento e alcance do programa, firmado a partir de parceria entre a Saúde Petrobrás e o Hospital Sírio Libanês.

O PASA é uma avaliação médica anual, semelhante ao exame periódico dos empregados ativos, adaptada às novas necessidades dos titulares aposentados (de qualquer idade) e dos pensionistas acima de 60 anos. A novidade é o modelo de operação, que passa a incluir estratégias de atenção primária à saúde, tal como foi consagrado no ACT conquistado pela categoria petroleira. Essas recomendações já tinham sido apontadas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

O diretor do Sindipetro Unificado, Juliano Deptula, que representou no evento os sindicatos da Federação Única dos Petroleiros (FUP), destacou: “Essa parceria tem um simbolismo muito grande e representa um passo importante que mostra que novamente quem ajudou a construir o que a Petrobrás é hoje volta a ter valor, representa dar valor ao aposentado e à pensionista, que dedicaram tanto da sua vida e da sua saúde para construir essa empresa. É uma esperança para o trabalhador a trabalhadora, quem viveu a Petrobrás nas gestões anteriores sabe do que estou falando”.

O diretor do Sindipetro Unificado e da FUP se referiu à mudança de gestão: “Essa parceria também mostra o que a gente deixou de viver durante um bom tempo, nas gestões anteriores da Petrobrás, da AMS e do próprio governo, a impressão que a gente tinha era que eles queriam excluir o aposentado do plano de governo, a contramão do que está sendo construído hoje”.

pasa
O PASA é um programa de acompanhamento anual (Arte: Reprodução)

 

 

Saúde preventiva

Segundo informou a Saúde Petrobrás, a avaliação médica anual será realizada com um médico de família, que coordenará toda a jornada de saúde de quem participar do programa, indicando os exames preventivos necessários e montando, na consulta de retorno, um plano individual de cuidados. No site da associação, está detalhado o passo a passo que o participante do PASA poderá realizar, uma vez ao ano, com isenção de coparticipação:

  • Uma consulta + retorno com um médico de família
  • Uma consulta + retorno com urologista ou ginecologista (na rede credenciada)
  • Pacote de exames preventivos

O convite para a avaliação médica anual será enviado no mês do aniversário, e o participante terá até 90 dias corridos após a consulta com o médico de família para realizar os exames por meio do PASA.
Segundo a nota emitida pela entidade, no primeiro momento, o atendimento presencial do PASA acontece na cidade de São Paulo, nas unidades do Sírio-Libanês associadas ao programa, mas está prevista a expansão do atendimento presencial para as cidades do Rio de Janeiro e de Salvador até o final de 2024.

Posts relacionados

Saúde Petrobrás: prevenção, tratamento ou abandono?

Guilherme Weimann

Saúde Petrobrás inicia recadastramento de petroleiros da ativa e dependentes

Guilherme Weimann

Sindipetro-SP cobra melhorias nos serviços oferecidos pela AMS em Ribeirão Preto (SP)

Guilherme Weimann